quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Chocottone no Pote

Atenção:

Está oficialmente aberta a temporada de gordices natalinas!

2016 foi o ano de tudo no potinho.. foi um tal de bolo no pote, brigadeiro, salada no pote e por aí vai...

Então que essa semana eu vi por aí Panettone e/ou Chocottone no pote e, é claro, resolvi fazer.
Nada demais, dá um trabalhinho montar mas não é difícil:

É só intercalar camadas de panettone ou Chocottone com um creme feito com 2 caixinhas de creme de leite e 200g de nutella, bater o creme de leite por uns 5 minutos e depois acrescentar a nutella. Na última camada usei chantilly e raspas de chocolate meio amargo. 
Fica legal também acrescentar umas nozes picadas em algumas camadas.

Depois de montar é só tampar o pote, decorar e colocar na geladeira, fica melhor no dia seguinte porque o creme de nutella, por ser bem mais liquido que a nutella pura, deixa a massa bem mais molhada e apetitosa.

Chocottene no Pote

Chocottene no Pote


Então: dieta agora, só em 2017!!

Boas Festas e "Au revoir" !

sábado, 20 de agosto de 2016

Rio 2016 - Boulevard Olímpico

A Olimpíada do Rio está terminando e, ao contrário do que aconteceu na copa do mundo em 2012, eu tive uma semana de folga e pude curtir um pouco da festa que se instalou pela cidade.

Fui ao Boulevard Olímpico várias vezes e amei. Estava lindo demais! Tomara que esse espaço se perpetue como um lugar de respiro para a alma do carioca e para o deleite dos turistas.












Fala sério: não precisa de filtro nem de legenda. Não dá pra descrever, tem que ir la e ver com os próprios olhos.

Durante a semana estava mais vazio, melhor pra andar e apreciar a paisagem, já no fim de semana lotou mas nem por isso ficou ruim, só demandava mais paciência.

Essas que aparecem nas fotos comigo são as amigas Joana e Karine.

Bisous! Au revoir!

terça-feira, 19 de julho de 2016

Águas Dermatológicas


A Nova Geração das Águas Termais


Eu sempre usei água termal (mais precisamente a da Avène) meio na fé, porque na verdade nunca senti os efeitos dela na prática, meu sonho era que houvesse uma água termal que levasse camomila na fórmula, minha antiga dermatologista me mandava fazer compressa de chá de camomila gelado no rosto pra acalmar a rosácea mas sempre morri de preguiça, só fazia na extrema necessidade, em vez de fazer toda manhã como prescrito. 

Tentei borrifar o chá de camomila como se fosse uma água termal mas também não deu muito certo porque ele não durava muito mesmo conservando na geladeira, em apenas 2 dias ele mudava de cheiro e parecia estar fermentando.

Na semana passada rolou uma feira de beleza aqui no trabalho e me vi na frente do stand da Caudalíe (pronuncia-se codalí) com vontade de usar a Eau de Beauté (Água de Beleza) deles, mas sempre estou com aquele drama: Preciso perguntar à minha dermato se eu posso usar ! (vi um álcool lá na fórmula né). Foi então que a vendedora me disse que eles tinham a Eau de Raisin (Água de Uva) que era específica pra peles sensíveis, comprei a pequena, 75 ml à R$39,00 pra experimentar.

Mais adiante parei na Profuse, uma linha da Achè, pra comprar o meu sabonete líquido e opa! ganhei uma amostra da água dermatológica deles, que leva: arnica, pantenol, água de lótus, maçã e uva + oligoelementos. Imagina como meus olhinhos brilharam ao ler aquele rótulo gente ... ok mas não tem ainda o raio da camomila... 

Então! Já usei as duas e sinto a água da Profuse mais refrescante... estou fazendo a maluca e usando uma pela manhã e outra à noite kkkk, vamos ver no que vai dar.

Vamos aos detalhes das duas e também da Eau de Beauté que eu acho que não posso usar, mas que parece muito boa pra quem não tem pele sensível:

Eau de Raisin 
Eau de Raisin Água de Uva Caudalíe

O que promete: 

A Água de Uva proporciona um benefício imediato de +127% de hidratação* e -61% de sensibilidade após o uso.

Indicado para peles sensíveis, a Água de Uva age como uma anti-inflamatório, como um calmante de rosácea, redutor de vermelhidão e calmante. É um produto perfeito para aplicar após uma irritação na pele.
Além da hidratação e da diminuição de sensibilidade, a composição única deste produto com minerais e ingredientes vegetais, fortalece a barreira da pele deixando-a mais elástica e menos sensível com o tempo. A Água de Uva pode ser usada como um tônico após a limpeza da pele, como um spray fixador antes de aplicar a maquiagem ou para refrescar e hidratar a pele durante o dia. 



Composição:
100% água de uva bio
VITIS VINIFERA (GRAPE) FRUIT WATER*, VITISVINIFERA (GRAPE) JUICE*, NITROGEN.* Origine végétale

Preço:
75ml- R$39,00
200ml- R$69,00

Eau de Beauté

Eau de Beauté Água de Beleza Caudalíe


O que promete: 
Inspirado no famoso elixir de juventude da Rainha Isabel da Hungria, este cuidado alisa os traços, fecha os poros e confere verdadeira luminosidade à sua pele.



Composição:
Uva, Flor de laranjeira, Rosa, Erva-cidreira biológica, Alecrim
INGREDIENTS : AQUA (WATER), ALCOHOL*, CITRUS AURANTIUM AMARA (BITTER ORANGE) FLOWER WATER*, PARFUM (FRAGRANCE)*, ROSMARINUS OFFICINALIS (ROSEMARY) LEAF OIL*, POTASSIUM ALUM, GLYCERIN*, MENTHA PIPERITA (PEPPERMINT) OIL*, STYRAX TONKINENSIS RESIN EXTRACT*, COMMIPHORA MYRRHA RESIN EXTRACT*, MELISSA OFFICINALIS (BALM MINT) LEAF OIL*, ROSA DAMASCENA FLOWER OIL*, VITIS VINIFERA (GRAPE) FRUIT EXTRACT*, TOCOPHEROL*, CITRAL*, LIMONENE*, LINALOOL*, CITRONELLOL*, GERANIOL*, FARNESOL*, BENZYL BENZOATE*, EUGENOL* (010/024) *Origine végétale - Plant origin

Preço:
100ml- R$199,00

Profuse Água Dermatológica
Profuse Água Dermatológica


O que promete:
Uma nova geração de águas aliando os benefícios dos oligoelementos de múltiplas ações (antioxidante, antisséptica e co-fator na regulação da colâgenese) a ingredientes consagrados para uma ação mais poderosa. Formula quantificada com rigor farmacêutico associado aos benefícios do veículo água ganham uma combinação exclusiva de ativos que agem em diferentes pontos da cascata da inflamação e prejuízo de barreira além de um aliado para sua rotina. 
Indicado para todos os tipos de pele, inclusive as sensíveis e sensibilizadas. Em diferentes usos cotidianos como: pós-higiene facial, pós-barba, pós-depilação, pós-sol, pós-procedimento e um calmante|refrescante diário. Também indicado para os cabelos.

Composição:
arnica (calmante), pantenol (hidratante/reepitelizante), bioecolia (prebiótico), matriz botânica (água de origem vegetal de lótus, maça e uva, com propriedades calmantes, hidratantes e antioxidantes) + oligoelementos (minerais)

Preço:
50ml- R$36,00
150ml- R$42,00

Gostei desses preços da Profuse!

Então é isso, Bisous.

Au revoir!

terça-feira, 17 de maio de 2016

Pão de Queijo Multigrãos

Peguei uma receita na internet de pão de queijo que leva apenas 3 ingredientes e resolvi incrementar colocando alguns grãos.

Vamos aos ingredientes:

* 1 caixa de creme de leite (200ml)
* 1 copo americano de queijo ralado (usei o parmesão)
* 1 copo americano de polvilho (usei metade polvilho doce, metade polvilho azedo)
* 1 colher de sopa de gergelim preto
* 1 colher de sopa de linhaça dourada
* 1 colher de sopa de linhaça marrom
* 1/2 colher de sopa de chia

Misturar bem os ingredientes até formar uma massa homogênea, fazer as bolinhas e colocar pra assar.
Se achar que a massa está muito mole é só acrescentar um pouco de polvilho até ficar no ponto de formar as bolinhas.

Simples assim!!

Pão de Queijo Multigrãos

Au revoir!

Bisous!

quinta-feira, 24 de março de 2016

Coalhada Fresca (Iogurte Natural) + Coalhada Seca (Labneh)


Eu não tenho ascendência Síria ou Libanesa mas é como se eu tivesse, porque eu amo a culinária árabe. Lá em Miracema, cidade onde eu nasci, há muitos descendentes de libaneses e minha mãe aprendeu a fazer alguns quitutes com eles.

Cresci comendo Hummus bi Tahine (aqui chamamos de Homus, pasta de grão de bico com tahine) e Labneh (coalhada seca). O Homus minha mãe me ensinou ainda em vida mas a coalhada seca não, essa semana eu comprei uma pronta no supermercado e lamentei não saber fazer.... mas a internet tá aí pra isso, não é minha gente? Descobri que fazer em casa é só um pouco trabalhoso, mas não é difícil!

O Labneh é um componente tradicional da culinária do Oriente Médio, Sudeste da Ásia e dos países que foram parte do Império Otomano. É usado tanto simples, em pão, com doces, ou em molhos como o Tzatziki, quanto para se cozinhar, em pratos doces ou salgado, pois sua alta concentração de gordura não o deixa talhar em altas temperaturas.

Primeiro temos que fazer a coalhada fresca (que nada mais é que iogurte natural). Já a coalhada seca ou labneh nós obtemos  através da filtragem desse iogurte, removendo a maior parte do soro.

Então vamos lá: 

1 litro de leite integral(melhor fazer com leite tipo A, mas eu não achei e fiz com leite de embalagem longa vida mesmo)
1 pote de colhada integral (sem açúcar) ou iogurte natural integral (eu usei coalhada da marca Da Matina, que vende no Zona Sul)

Modo de fazer:

Ferver o leite e deixar esfriar até chegar à temperatura de 40º, se não tiver termômetro culinário é só fazer a verificação manual, que é colocar o dedinho no leite e conseguir contar até 10.
Quando o leite chegar na temperatura ideal, adicionar a coalhada ou iogurte natural e mexer até dissolver bem. 
Colocar num recipiente de vidro com tampa, enrolar num pano e colocar dentro de uma bolsa términa, deixando descansar por aproximadamente 8 horas.
Quando estiver pronto, separe um pouco dessa primeira receita pra fazer a próxima, não precisando mais comprar da coalhada industrializada.

Pronto, você já tem a coalhada fresca / iogurte. pode servir puro, ou adicionar frutas, mel, e o que mais lhe convier.

Iogurte caseiro
aqui coloquei fatias de banana outro, mel e nibs de cacau
Agora vamos ao Labneh:

Colocar a coalhada fresca pra filtrar dentro de um saco de algodão que fica pendurado pingando o soro, ou faça como eu, coloque dentro de um filtro de papel, desses de coar o café. Assim:

coalhada seca


Coloque um recipiente vazio embaixo e depois é só deixar na geladeira pra escorrer o soro. Quanto mais tempo deixar mais firme e mas azedinha vai ficar. Eu deixei umas 9 horas, mas da próxima vez quero deixar mais tempo, porque ficou bem suave e eu gosto bem ácida.
Ficou assim:

coalhada seca labneh

Tá pronta a colhada seca / labneh!
Agora você pode temperar colocando sal, azeite e mais os temperinhos que quiser!

Sabe o que é mais maravilhoso?
Descobri que ela também pode ser consumida como sobremesa, adicionando mel e frutas!! 
Na verdade a coalhada seca é o famoso iogurte grego que está tão na moda.

A grande vantagem em relação ao iogurte comum é que possui 2 vezes mais proteína e menos sódio, carboidrato e açúcar. O processo de secagem retira a maior parte do soro do leite e com ele também esses 3 ingredientes. Também possui mais probióticos ativos que auxiliam na digestão e melhoram a saúde.

O Soro de leite que sobra também é muito nutritivo, riquíssimo em proteínas e pode ser reutilizado em outras receitas, como bolos e pães, substituindo a água. Não fiz isso ainda, na minha primeira receita acabei jogando o soro fora por não saber o que fazer com ele, mas na próxima vez usarei no pão.Fiquei sabendo também que a indústria usa muito o soro de leite, inclusive pra fazer o Whey Protein. Faz sentido, já que ele é rico em proteínas.

Dá trabalho? sim.
Rende bastante? não.
Vale a pena? muito!

Au revoir, bisous!